Category Archive : Notícias

Saldo de crescimento de emprego cresceu em 19% em 2019

Há algo em comum entre restaurantes, salões de beleza, clínicas médicas e lojas de assistência técnica especializada. Todos esses estabelecimentos fazem parte do setor de serviços, o principal responsável pelo avanço do emprego formal em Minas Gerais. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ele gerou 55.213 vagas com carteira assinada de um saldo total de 97.720 postos de trabalho abertos no Estado em 2019.

Os dados divulgados pelo Ministério da Economia, na última sexta-feira (24/01), mostram uma recuperação do emprego formal em Minas Gerais, mesmo com as dificuldades fiscais enfrentadas pelos municípios mineiros. No acumulado do ano, o Estado registrou 15.801 postos de trabalho a mais que em 2018. Essa diferença representa uma evolução de 19,28% no estoque de vagas abertas.

A expansão de admissões em relação às demissões deve-se, especialmente, a setores estratégicos para a economia mineira, como a construção civil (7,72%), a indústria extrativa mineral (4,04%) e os serviços (3,43%). A agropecuária, por sua vez, foi o único setor a registrar recuo no número de vagas formais em Minas (-0,93%). Já o comércio fechou o ano com saldo positivo de 1,37% de contratações.

A economista da Fecomércio MG, Bárbara Guimarães, atribui a reversão do quadro de desemprego a fatores como a inflação controlada, a queda dos juros básicos a 4,5% ao ano e as reformas estruturais aprovadas. “O ambiente de otimismo vivido no ano passado permitiu setores como a mineração – afetada no início de 2019 pela tragédia em Brumadinho – e a construção civil – em baixa desde a crise – elevarem o percentual de contratações no Estado”, avalia.

Em relação ao comércio, Bárbara considera que o consumo aquecido e a confiança do empresário foram determinantes para a evolução do emprego em Minas. “As medidas de liberalização da economia implementadas no país durante o ano passado motivaram um comportamento mais positivo de quem empreende. Não por acaso, o Índice de Condições Atuais do Empresário do Comércio de Belo Horizonte expandiu 22 pontos percentuais de 2018 para 2019”, quantifica.

Números anteriores à crise

No Brasil, os resultados do Caged 2019 revelam que 644.079 vagas formais foram geradas, 21,63% a mais que o apurado em 2018. O saldo é o melhor em números absolutos desde 2013, quando o país criou mais de 1,1 milhão de empregos com carteira assinada. Todos os oito setores verificados encerram o ano com estoque positivo, com destaque para os serviços, responsável pela geração de 382,5 mil postos de trabalho, e para o comércio, com 145,4 mil admissões.

Entre as regiões geográficas do país, os melhores saldos de postos de trabalho formais no ano passado ficaram como a Região Sudeste (318,2 mil), seguida pela Sul (143,2 mil), Nordeste (76,5 mil), Centro-Oeste (73,4 mil) e Norte (32,5 mil). Já em relação aos estados, os desempenhos mais satisfatórios foram registrados em São Paulo (184,1 mil), Minas Gerais, (97,7 mil) e Santa Catarina (71,4 mil).

Opção pós-reforma

O trabalho intermitente também colaborou para o resultado do Caged em 2019. No período, a modalidade gerou 85,7 mil empregos, 13,3% do total de vagas criadas em todo o país. Os setores de serviços (39,7 mil) e comércio (24,3 mil) foram os destaques dessa forma de trabalho, que permite ao profissional prestar atividades em períodos alternados, conforme a demanda do empregador.

Vale e outras 16 pessoas são denunciadas por crime socioambiental de Brumadinho

Na última terça-feira (21) o Ministério Público de Minas Gerais efetuou uma denúncia á 2° Vara Criminal de Belo Horizonte/MG, devido á homicídios duplamente qualificados, destinada ao ex-presidente da Vale Fabio Schvartsman, além de 11 funcionários, cinco empresas de certificações e a Tüv Süd testes e inspeções que atestaram que a barragem era segura.

Além disso ambas as empresas inclusive foram denunciadas pelo rompimento da barragem I da mina Córrego do Feijão na cidade de Brumadinho/MG, da Vale que levou 272 pessoas a óbitos, deixou 11 desaparecidas e também contaminou o rio Paraopeba. Todos irão responder pelo crime socioambiental , que prejudicou diversos pescadores e retirou o meio de subsistência de diversas pessoas e que completa 1 ano no próximo dia 25.

Segundo Antônio Sérgio Tonet Procurador Geral de Justiça de Minas Gerais, a Mineradora Vale não tem feito nada a favor do estado ou das vitimas afetadas, não há nada feito de forma voluntária, tudo o que tem sido feito foi determinado pela justiça ou objeto acordado dentro das ações já ponderadas e que é uma obrigação legal da empresa indenizar e reparar os danos de forma integral os que foram atingidos pelo ocorrido.

A Marcha dos Atingidos

Entretanto foi criado um movimento denominado a Marcha dos Atingidos que foi organizada pelas vitimas, o movimento em seu segundo dia percorreu as ruas da cidade de Pompéu/MG em direção as margens do rio Paraopeba que foi atingido por rejetos da mineração.

Segundo José Geraldo membro do movimento, o objetivo da marcha é mostrar que os danos do rompimento da barragem foi além de Brumadinho/MG e que a contaminação esta passando pelo rio Paraopeba e já esta chegando na represa de Três Marias, além disso ressaltou a importância do rio Paraopeba para a sobrevivência das pessoas dependentes dele.

A noticia do movimento chegou até o ex-presidente Luiz Inácio da Silva que confirmou presença no movimento na próxima sexta-feira (24) que ocorrerá na cidade Betim/MG. A marcha continuará percorrendo diversas cidades até o dia 25 que será a data de chegada em Brumadinho onde ocorrerá atos solidários para todos os atingidos pela tragédia

Custo de materiais escolares aumentam em 300% neste ano

Para a maioria dos brasileiros, o ano começa com muitas contas. E para os pais, além da rematrícula da escola, uma das principais despesas está relacionada à compra do material escolar. Segundo pesquisa realizada pelo Procon-SP o preço do material em São Paulo pode variar 300% – eles analisaram os valores de 126 produtos em oito lojas. Por exemplo, o preço do estojo de giz de cera com 12 cores chegou a 266% – de R$ 1,50 para R$ 5,50. A maior diferença foi na borracha branca, com um aumento de 333% – ficou entre R$ 0,60 e R$ 2,60.

Pensando em ajudar os pais a se organizarem, a Simplic – primeira fintech a oferecer empréstimo 100% online a pessoas físicas – separou cinco dicas de como economizar na compra do material escolar do seu filho. Leia abaixo.

1 – Reaproveite materiais antigos

Antes de ir às compras, veja em casa se não “sobrou” alguns materiais do ano passado. Sempre tem aquele caderno que não usou inteiro, canetas e lápis que podem ser aproveitados. Também podem usar alguns materiais que não estragam tão rápido assim, como: tesoura, apontador, grampeador, régua, etc. Livros antigos também podem servir de doação para outros alunos

2 – Faça pesquisas

Realizar pesquisas em sites de buscas é sempre uma ótima opção – você consegue comparar os valores e às vezes até fazer a compra online. Guardar panfletos de lojas também pode ajudar na análise dos preços, além de tê-los em mãos, o estabelecimento é obrigado a cumprir com os valores divulgados – segundo o Código de Defesa do Consumidor.

3 – Compre com antecedência

Faça compras um tempo antes do retorno às aulas. Normalmente, quando está próximo algumas papelarias e lojas costumam subir os preços do material escolar. Comprando com antecedência, você garante materiais até de primeira linha com um melhor custo-benefício.

4 – Compras coletivas

Nessa época os pais estão com o mesmo propósito: economizar com a compra dos materiais – por isso, uma boa sugestão é se organizar com eles e ir até uma única papelaria juntos. Algumas lojas dão descontos para compras em grupo e grandes quantidades.

5 – Financie a compra

Muitos pais não conseguem fazer as compras por conta de todos as dívidas do início do ano e com isso, procuram por outra alternativa para resolver essa situação. Uma opção são as fintechs, por exemplo, a Simplic. Ela oferece crédito rápido e seguro e 100% online. O processo é bem simples: o cliente faz a simulação de crédito no site pelo computador ou celular. O cadastro não leva nem 5 minutos e ele fica sabendo na mesma hora se está pré-aprovado e pode receber o dinheiro na conta em menos de 24 horas.

Foto: Policia Militar

Pirapora: homem é preso por tráfico em rodoviária

Na última quinta-feira (16), um homem por envolvimento com drogas ilícitas, em Pirapora/MG.

Segundo a Policia Militar de Várzea da Palma, um homem estaria transportando alguns entorpecentes em um ônibus que saia de Patos de Minas/MG e teria seu destino para Pirapora, os policiais locais foram acionados e assim que o suposto individuo chegou na rodoviária ele foi abordado, após uma busca pessoal foram encontrados 7 tabletes de uma substância semelhante a maconha e alguns comprimidos de uma substância semelhante ao ecstasy .

Ainda segundo o Sargento Rodrigo Alves, o individuo demonstrou tranquilidade durante toda a abordagem e contou que ganharia uma parte das substâncias para consumo, mesmo sendo questionado o individuo não revelou o proprietário dos entorpecentes.

O autor foi preso e as substâncias apreendidas e encaminhadas para a Delegacia.

Brasileiros buscam economizar para não onerar na energia elétrica

Grande percentual de Brasileiros consideram sua conta de luz muito alta.

Você já fez o cálculo de quanto significa a conta de luz no seu orçamento fixo mensal? De acordo com o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), o brasileiro chega a gastar mais de 20% do salário mínimo para pagar a conta de luz.

E esses valores podem ser ainda maiores no verão quando há uma tendência de aumento de equipamentos como ar-condicionado. A Companhia Energética de Brasília (CEB), por exemplo, registrou alta de 7% no consumo de energia elétrica no Distrito Federal, no mês de novembro de 2019.

Para os brasileiros, esses números são muito altos. De acordo com uma pesquisa feita pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) em parceria com o Ibope em agosto de 2019, 87% dos consumidores consideram sua conta de energia cara. E, pelo menos, 64% dos entrevistados afirma fazer esforço para economizar energia para não atrapalhar o orçamento familiar.

“Grande parte da conta de luz do brasileiro é imposto. O consumidor paga pela compra de energia, os serviços de transmissão, a distribuição e por último os encargos setoriais. Para o ano de 2020, por exemplo, podemos ter um aumento de médio de 2,42%. Isso porque existe uma consulta pública aberta em outubro feita pela Aneel, sobre o orçamento para a Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), que é um dos subsídios pagos pelos consumidores de energia”, explica Alcione Belache, CEO da Renovigi.

Estratégias para redução de gastos

No final do ano, o governo anunciou a tarifa branca, que passou a vigorar no último 1 de janeiro como estratégia de redução de custos.  A tarifa está disponível residências e pequenos comércios e, prevê descontos para o consumidor que reduzir o consumo nos horários de maior utilização.

Especialistas, porém, chamam atenção para adoção de estratégias sustentáveis e de longo prazo para redução tanto do uso de energia elétrica quanto do custo. O uso da energia renovável é uma tendência mundial.

De acordo a ONU (Organização das Nações Unidas), a energia solar vem se destacando perante as demais fontes de energia elétrica no mundo, e hoje é considerada a principal responsável pelo desenvolvimento sustentável. Além disso, um sistema solar pode contribuir para uma economia considerável na fatura.

“O brasileiro está tomando conhecimento da importância de produzir a sua própria energia. Ter a liberdade de escolha e produzir a sua energia é libertador, além claro, de economizar, e muito! Estamos falando em uma economia de até 95% na conta. Ainda nesta pesquisa feita pelo Ibope em parceria com a Abraceel foi visto que aqueles que puderam optar economizaram cerca de R$185 bilhões nos últimos 16 anos”, finaliza Belache.

Sobre a Renovigi

Com mais de 800 mil painéis solares já distribuídos no Brasil, a Renovigi se destaca no mercado fotovoltaico brasileiro pela excelência no atendimento e pela qualidade de seus produtos. Hoje a empresa é líder em satisfação do consumidor, com 99,8% de clientes que indicariam a marca para um amigo, além disso, está no pódio nacional de preferência das empresas instaladoras e foi premiada em 2017 e 2018 pela EXAME e Deloitte como a Média Empresa com maior crescimento no Brasil. Esses números são fruto do empenho mútuo entre a equipe Renovigi e suas mais de 6000 empresas credenciadas, espalhadas por todas as regiões do país.

CEFET-MG abre vagas para professores em cinco cidades

As inscrições devem ser realizadas até 2 de Fevereiro .

Vagas para professores temporários, para os campi de Araxá, Bh , Contagem, Varginha e Curvelo.

O CEFET-MG divulga editais de processos seletivos simplificados para 
contratação de professores temporários. São 15 vagas distribuídas nos 
campi Araxá, Belo Horizonte, Curvelo, Contagem e Varginha. As 
inscrições devem ser realizadas de 15 de janeiro a 2 de fevereiro, no 
site do CEFET-MG 
(www.segep.cefetmg.br/apresentacao/setores/cgap/coordenacao-de-concursos/editais/).

Os professores irão atuar na Educação Profissional Tecnológica de 
Nível Médio e no Ensino Superior. Para o campus Araxá, duas vagas 
estão abertas para o Departamento de Eletromecânica. Para Belo 
Horizonte, estão sendo ofertadas 9 vagas distribuídas nos 
Departamentos de Computação, Engenharia de Transportes, Engenharia 
Elétrica, Ciências Sociais Aplicadas, Eletrônica e Biomédica e 
Educação. Para o campus Curvelo, são duas vagas para o Departamento de 
Engenharia Civil e Meio ambiente. Para Contagem e Varginha, estão 
sendo ofertadas uma vaga para cada campus nos Departamentos de 
Formação Geral.

A seleção será constituída de três etapas: análise do currículo, prova 
escrita e/ou didática e entrevista. Os pré-requisitos para a vaga, 
assim como as disciplinas e a formação necessária podem ser 
consultados nos editais.

EDITAL Araxá, Curvelo, Contagem e Varginha 
(www.cefetmg.br/wp-content/uploads/2020/01/Editais_de_13_01_Interior.pdf)

EDITAL Belo Horizonte 
(www.cefetmg.br/wp-content/uploads/2020/01/Editais_de_Bh_13_01_2020.pdf)

Projeto de revegetar área em Brumadinho tem sucesso

O programa Marco Zero tem o intuito de reconstituir o Ribeirão Ferro-Carvão e revegetar as matas ciliares com plantas nativas, esse programa pode servir de base para grande parte dos 9,6 quilômetros de devastamento do Ribeirão após o rompimento da barragem.

Com a ajuda de fotografias disponibilizadas por satélite e da tecnologia Green Wall, o curso do ribeirão foi redemarcado e foi possível a recuperação aquífera e vegetal ajudando assim a reconstruir o Ribeirão. Além disso a área entorno foi aterrada novamente recuperando assim sua topografia anterior.

Segundo a Vale esse projeto já tem uma duração de 5 meses e conta com 60 operários e muito trabalho com o maquinário, a conclusão para o piloto deste projeto está estipulada para fevereiro deste ano e os investimentos que estão sendo aplicados neste projeto estão dentro dos recursos financeiros aplicados nas obras de contenção para a barragem em Brumadinho e esse valor pode chegar até 1,8 bilhão até 2023.

Dicas para faturar e aumentar as vendas no Natal

Após um ano difícil, a chegada do Natal é oportunidade para lojistas fecharem o ano com saldo positivo. Mesmo num momento de incerteza e orçamento apertado, grande parte dos brasileiros não vai abrir mão de garantir os presentes, na data comemorativa mais importante para o comércio.

Uma pesquisa feita em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), mostra que 77% dos consumidores pretendem presentear alguém no Natal deste ano, o que significa que, aproximadamente, 119,8 milhões de brasileiros devem ir às compras neste final de ano.

Confiantes nesse bom momento, empreendedores de Montes Claros estão otimistas e apostam em aumento nas vendas no período. É o que acredita Maria Luísa Ribeiro Leonardo, proprietária da Ansa Magazine, tradicional loja de confecções e variedades no bairro Major Prates, um dos mais populosos da cidade. “Estamos otimistas e já percebemos um pequeno aumento nas vendas neste início de dezembro. Esperamos um acréscimo de 20 a 30% em relação às vendas de 2018” afirma.

Diferencial

Com tanta gente indo ás compras, a concorrência para atrair o cliente também é maior. Para atender à expectativa do comprador e fazer com que ele entre na loja e saia com a compra efetivada, o analista do Sebrae Minas Arleandro Rodrigues elaborou algumas orientações. “ É preciso lembrar que venda é uma ação de troca de bens e serviços por valores monetários, por isso, é preciso que o vendedor esteja atento e preparado para fazer uma leitura objetiva daquilo que o cliente deseja”, ressalta.

Confira algumas dicas que podem impulsionar as vendas e fidelizar clientes:

– Vitrines bem diversificadas e rotativas de forma a dar opções ao cliente;

– Exposição de produtos em promoção de forma bem visível para que chame atenção;

– Deixe os produtos expostos etiquetados e com preços bem visíveis;

– Produza uma fachada bem atrativa, mas com o cuidado para que o enfeite de Natal não obstrua o acesso de clientes;

– Mantenha as redes sociais bem atualizadas, com novos produtos e promoções, e deixe os produtos organizados por categoria, faixa etária, cor e tamanho;

– Tenha um cuidado especial com embalagens. Todo cliente gosta de levar a compra em papel ou sacola bem trabalhada, além de ser uma forma de divulgar a marca;

– Utilize estratégias como degustação, experimentação, simulação e test drive, para deixar o cliente sentir o que ele está comprando;

– Faça abordagens práticas e objetivas, deixando o cliente à vontade, mas sempre atento se o mesmo deseja informações;

– Deixe toda a equipe de vendas entrosada sobre as campanhas de divulgações, promoções e novos produtos.

O analista destaca que além das lojas físicas, é preciso estar atento também aos cuidados com as vendas on line:

– Divulgue produtos em grupos com público alvo;

– Faça promoções com produtos de muita procura para que agreguem compra de outras mercadorias;

– Crie estratégias de sorteio de prêmios em curtidas ou compartilhamentos;

–  Tenha cuidado com estoques, negociando antes com fornecedores para que tenha produtos disponíveis para entrega;

– Fique atento a questão das entregas rápidas e certeiras, evitando que a mercadoria chegue depois do Natal.

Caminhão vendido ilegalmente é recuperado pela Policia Civil em Curvelo

Na última quarta-feira (11), foi recuperado pela Policia Civil um caminhão que seria vendido sem autorização, no bairro Bom Jesus, em Curvelo/MG.

Segundo a Policia Civil, após algumas investigações da Delegacia de Furtos e Roubos de Curvelo, foi recuperado um caminhão negociado pelo motorista sem a autorização do proprietário do veículo. De acordo com o Delegado Robert Carvalhaes Levy na sexta-feira (06) o funcionário comunicou ao seu patrão que iria sair de Betim/MG, para realizar a entrega de uma carga de Curvelo a Montes Claros/MG.

Na segunda-feira (09), o proprietário do veículo recebeu uma ligação de um individuo que solicitava os documentos do veículo para realizar a transferência afirmando que havia comprado o caminhão que havia pagado uma parte do valor e que iria ficar com a divida do financiamento. O proprietário informou que o veículo não estava a venda e o comprador disse que devolveria o veículo quanto obtivesse a quantia paga reembolsada.

O Delegado Robert Carvalhaes Levy informou que o autor pode responder por modalidade especifica de estelionato, por dispor-se de uma coisa alheia como se fosse de sua posse. O suposto comprador do veículo foi encaminhado a Delegacia para prestar depoimento e segundo os policiais ele foi considerado vitima do motorista, o mesmo ainda não foi localizado.

Vallourec é empresa destaque na 18° edição do prêmio ser Humano recebendo 5 premiações

A Vallourec foi destaque na entrega do 18º Prêmio Ser Humano promovido pela Associação Brasileira de Recursos Humanos – Minas Gerais. A Empresa teve cinco projetos vencedores em três categorias na solenidade que aconteceu na noite de ontem (9), no SICEPOT-MG.

Segundo a superintendente de Recursos Humanos, Giovanna Real, a premiação é um reconhecimento de grande importância. “Para a Vallourec, no sentido de mostrar que estamos no caminho certo, cuidando da saúde organizacional. Para os empregados, pois eles são os beneficiados diretamente pelas ações e, para a sociedade, na medida em que possibilita que outras empresas sigam as boas práticas adotadas e mais pessoas sejam alcançadas”, comemora.

Os trabalhos vencedores foram: Capacitando Jovens Aprendizes; Programa de Qualificação de Reabilitados para Inclusão; Meta de Gestão de Pessoas: Uma alavanca para o desenvolvimento de Líderes; Digitalização do RH e Sistema de Gestão de Desempenho de Horistas, premiados nas categorias Administração, Desenvolvimento e Sustentabilidade. Giovanna Real lembra que este ano o prêmio teve recorde de inscrições e é a primeira vez que uma empresa ganha tantos prêmios em uma mesma edição. Ela destaca também que alguns processos foram desenvolvidos em conjunto com outras áreas, como Tecnologia da Informação, Medicina do Trabalho, Comunicação e Laminação, mostrando a força do arquétipo “Um Só Time” e a importância da colaboração.

A premiação foi instituída pela ABRH Brasil em 1993 e se consolidou como instrumento de valorização das melhores iniciativas dedicadas ao desenvolvimento das pessoas dentro e fora das organizações, assim como de estímulos ao pensamento criativo e identificação de novos talentos. O objetivo é ampliar as possibilidades para a realização de práticas de gestão que favoreçam a participação e a iniciativa das pessoas, contribuindo com ideias que transformem.

A superintendente de Recursos Humanos da Vallourec, Giovanna Real, recebe o troféu Ser Humano

Os responsáveis pelos projetos vencedores da Vallourec durante a premiação